Wikipedia

Notícias : Oceano Índico

Presidente manda prender até meio-irmão e mergulha ilhas remotas em crise política
Ilhas Maldivas, no oceano Índico, vivem convulsão política e estado de emergência em meio a disputa entre Executivo e Judiciário. www.bbc.com | 2/5/18 10:16 PM
Supremo das Maldivas deve ordenar impeachment de presidente, diz advogado-geral
A Suprema Corte das Maldivas, arquipélago do Oceano Índico, planeja ordenar o impeachment do presidente Yameen Abdul Gayoom, disse neste domingo o advogado-geral do país, Mohamed Anil. Durante coletiva de imprensa, Anil disse ter ouvido "rumores" sobre o impeachment e que a medida seria inconstitucional. [Leia mais...] atarde.uol.com.br | 2/4/18 11:43 AM
Maldivas: presidente diz que está disposto a promover eleições antecipadas
O presidente das Maldivas, Yameen Abdul Gayoom, disse neste sábado que está disposto a realizar eleições presidenciais antecipadas para permitir que os eleitores decidam quem desejam que lidere o arquipélago do Oceano Índico. A agitação política continua crescendo nas Maldivas depois que o Supremo Tribunal do país ordenou a libertação e novo julgamento de prisioneiros políticos. [Leia mais...] atarde.uol.com.br | 2/3/18 8:48 PM
Suposto terrorrista deixa dois policiais baleados nas Ilhas Reunião

SAINT-DENIS — Um jovem suspeito de ser seguidor de um grupo radical abriu fogo nesta quinta-feira contra dois policiais nas Ilhas Reunião, um território francês no Oceano Índico. Os agentes estavam tentando levar o homem preso quando foram feridos por ele.

"O homem resistiu à detenção e atirou com um fuzil contra as forças de segurança", informou a prefeitura, informando ainda que, posteriormente, o atirador, um jovem com idade por volta de 20 anos que se converteu ao islã, foi detido.

As autoridades da ilha Reunião desmantelaram, em junho de 2015, uma rede jihadista, a primeira identificada no arquipélago. O grupo era dirigido por um suposto pregador salafista de 21 anos conhecido como "o egípcio", que foi detido e transferido para uma penitenciária de Paris.

As autoridades acreditam que uma centena de suspeitos de radicalização vivem na ilha francesa.

oglobo.globo.com | 4/27/17 9:36 AM
Irã começa exercício anual da Marinha perto do Estreito de Ormuz

A Marinha do Irã começou um exercício anual próximo ao estratégico Estreito de Ormuz, em seu primeiro grande exercício desde o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, tomar posse, informou a televisão estatal.

A reportagem da TV citou o chefe da Marinha, almirante Habibollah Sayyari, dizendo que a manobra de dois dias cobrirá uma área de 2 milhões de quilômetros quadrados no Mar de Omã e no Oceano Índico perto do estreito. A reportagem mostrou imagens de navios de guerra e helicópteros iranianos participando do exercício.

Quase um terço de todo o petróleo comercializado pelo mar passa pelo estreito, que já foi palco de confrontos anteriores entre os EUA e o Irã. Mas o exercício não envolve Guarda Revolucionária do Irã, uma força paramilitar que a Marinha dos EUA costuma criticar por ameaçar seus navios.

A 5ª frota da Marinha dos Estados Unidos, com base no Bahrein, não comentou o exercício ou se tem planos de monitorá-lo.

A Marinha do Irã costuma realizar exercícios de guerra que, segundo ela, têm como objetivo melhorar a prontidão contra ameaças. A Marinha também envia seus navios de guerra para águas internacionais fora do Golfo de Áden para combater a pirataria. Fonte: Associated Press.
www.folhadaregiao.com.br | 2/26/17 9:21 PM
Irã começa exercício anual da Marinha perto do Estreito de Ormuz
A Marinha do Irã começou um exercício anual próximo ao estratégico Estreito de Ormuz, em seu primeiro grande exercício desde o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, tomar posse, informou a televisão estatal.A reportagem da TV citou o chefe da Marinha, almirante Habibollah Sayyari, dizendo que a manobra de dois dias cobrirá uma área de 2 milhões de quilômetros quadrados no Mar de Omã e no Oceano Índico perto do estreito. [Leia mais...] atarde.uol.com.br | 2/26/17 7:30 PM